Skip to main content
Group of young happy friends playing video games at home.

Cultura Organizacional: na Startup é diferente!

Sou Diretora Administrativa da Trackage, startup IoT especializada em Monitoramento Inteligente, e vou contar sobre a minha trajetória em empresas tradicionais e como é diferente trabalhar em uma startup, em termos de cultura organizacional.

 

Trajetória

Sempre trabalhei em empresas tradicionais em que havia um chefe, normalmente o dono do negócio e seus funcionários. Pessoas faziam o que o chefe ordenava.

Eu nunca me encaixei nesse perfil de seguir ordens, regras engessadas e muito menos me sentir apenas uma colaboradora da empresa. Eu me sentia uma parte da empresa, sempre querendo melhorar o ambiente de trabalho, a experiência dos clientes, dando o meu melhor e entendendo que minha atitude ali representava a empresa lá fora.

Por gostar do clima empresarial desde minha adolescência, quando iniciei na Escola Técnica de Formação Gerencial aos 14 anos, eu aprendi muito cedo a importância de se “vestir a camisa”.

Durante minha trajetória profissional, passei por uma cooperativa de crédito, por uma empresa de eventos, fui gerente de uma loja, de um hotel, até trabalhar, por último, como consultora de grupos empresariais. Sempre lugares com modelos tradicionais de negócios, onde via algumas pessoas totalmente desconexas com a cultura organizacional da empresa, desmotivadas e esperando a próxima sexta-feira para serem felizes.

 

Cultura organizacional

Cultura organizacional são os objetivos, valores, crenças e comportamentos que direcionam uma empresa. O mais importante para que a empresa seja fiel à sua cultura, é ser preenchida com pessoas que se alinhem aos seus interesses e que tenham os mesmos valores e crenças.

Em uma nova contratação, identificar esse alinhamento de valores para que a pessoa se integre de forma mais rápida ao time é fundamental. A vibe organizacional de uma startup é unânime. Quem não se encaixa no perfil, raramente terá uma oportunidade num time já constituído.

 

Cultura de Startup

Hoje, com a oportunidade de viver o dia a dia de uma startup, percebo como aquele comportamento empreendedor que sempre tive, de “vestir a camisa”, se tornou o “ser a empresa na alma”.

Como assim?

Você, assim como todos da organização, passa a ser a imagem que representa a marca da empresa. Não precisa ser uma pessoa nas redes sociais e outra no trabalho. O clima da empresa tem que fazer sentido com o clima da sua realidade de vida.

Quando a pessoa entende que o clima no trabalho deve estar alinhado com seu clima de vida, ela não se sente trabalhando pra ninguém e sim parte de algo muito maior.

Esse é o motivo por eu ser apaixonada pela Trackage. Eu sinto que falamos a mesma língua e me sinto confortável e feliz em representar a empresa e toda equipe.

 

Como é na Trackage

 

1- Aqui não existe um único dono. Existem pessoas engajadas e comprometidas em dar seu melhor para atingirem o resultado almejado pela empresa, pois sabem que se o líder crescer, todos crescem. Não existe egoísmo ou individualismo nesse meio.

2- Colaborador? Não diria assim. Apesar de todos colaborarem com o crescimento da startup, são muito mais que isso. Somos o time Trackage, onde cada um tem participação, cuidado e preocupação com a tarefa do outro.

3- Não tem essa de “isso não é comigo”, todo mundo tem capacidade e interesse em saber o máximo, doar o máximo e representar o time como se fosse a peça mais importante dele, e de fato é. Cada um é essencial naquilo que faz.

4- Cada um sabe a importância e responsabilidade do seu papel no sucesso da Trackage. E todo mundo quer ver a empresa fazendo muito sucesso.

5- Os horários são flexíveis e as pessoas são valorizadas pelos resultados e entregas. Nada de bater ponto na entrada e saída, ficar moderando o tempo do café ou de um bate papo entre os colegas.

6- Ping pong, videogame, café e pão de queijo são frequentes para descontrair e unir ainda mais o time favorecendo o clima de amizade, o que torna o ambiente de trabalho divertido, gerando alegria, engajamento e produtividade.

 

Resumindo…

O que destaco como diferenciais entre organização tradicional e uma startup são:
Empresa Tradicional

  1. Chefe que ordena e lucra sozinho;
  2. Colaboradores, funcionários, esperando uma promoção ou emprego melhor;
  3. Postura rígida e formal, as pessoas usam máscaras – um certo medo de acessar o chefe ou outros setores;
  4. Muitas regras genéricas e engessadas;
  5. Individualismo de setores, falta de integração, salas separadas;
  6. Crescimento profissional limitado;

 

Startup

  1. Líder que compartilha suas ideias e valoriza sua equipe;
  2. Equipe multidisciplinar e pró ativa querendo crescer junto com a empresa;
  3. Postura informal. As pessoas são o que são aqui e nas redes sociais. Fácil acesso ao líder e outros setores;
  4. Regras específicas e flexíveis;
  5. Setores integrados, trabalham juntos;
  6. Crescimento profissional imensurável;
  7. Equipe representa a empresa em qualquer lugar;
  8. Equipe ama estar lá e ama o que faz;

 

Conclusão

Sinto que se todos conseguissem alinhar seus valores com os da empresa em que trabalham, vivendo uma cultura harmônica, o mundo seria mais leve, as pessoas mais produtivas, realizadas e as empresas mais lucrativas.

Acabaria essa de trabalhar trocando tempo por dinheiro, reclamar do chefe, sempre esperando o final de semana para ser feliz.

Acredito que é possível viver um propósito, sendo feliz construindo um sonho todos os dias. Saber que faz a diferença, que tem valor, que pode ser mais fazendo parte do time de uma empresa que pensa como você. As Empresas Tradicionais ainda tem muito que aprender com as Startups!
Sobre mim: Patrícia Cicci é Diretora Administrativa na Trackage, é Life Coach pela Sociedade Latino Americana de Coaching, DJ aos finais de semana (sim seu hobby é esse), e acredita que na vida cada um é responsável pela realização de seus sonhos. Seu lema é: “A vida é agora . Faça valer a pena”

Linkedin: Patrícia Cicci

Pré-venda Trackage
Newsletter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *