Skip to main content
casal-usando-o-celular

A Internet irá acabar com a Agência de Turismo?

Do celular, com a ponta dos dedos, é possível pesquisar e comprar passagens aéreas para minha próxima viagem. Com mais alguns minutos, posso facilmente pesquisar e escolher minha hospedagem, sem intermédio de nenhuma Agência.

 

europa-as-10-cidades-mais-visitadas

 

Para definir o roteiro da viagem, basta visitar blogs interessantes sobre o assunto, como o Blog Trackage, Melhores Destinos ou o 360Meridianos, procurar avaliações dos pontos turísticos nas redes sociais e acompanhar os famosos rankings do setor, como o Tripadvisor, por exemplo.

 

 

Porém, isso NÃO acabará com a Agência de Turismo.

agencia-viagem

 

Segundo o CEO da Booking, Darren Huston, a agência de turismo não deixará de existir, pois muitos consumidores precisam de interatividade.

A Agência de Turismo moderna deverá usar essa tendência para se fortalecer e agregar valor às suas vendas. Ela deverá ter em mente que o PRODUTO oferecido (passagem + hospedagem)  é o que menos importa agora, já que as pessoas conseguem comprá-lo de forma facilitada na internet.

As Agências devem sair na frente e inovar, focando em entregar SERVIÇO. Um serviço extremamente planejado de acordo com o público-alvo e personalizado, de forma que o cliente se sinta exclusivo.

 

A Agência que tiver isso em mente, não irá acabar.
Irá continuar proporcionando experiências cada vez mais assertivas para os viajantes, entregando valor com consultoria especializada, segurança garantida e até mesmo no conforto que o cliente terá, sabendo que sua agência pode planejar uma viagem especialmente feita para ele.

Este novo modelo de agência tem muito mais a ver com criatividade, expertise e inovação do que com viagem em si.

Pois, apenas a passagem + hospedagem, encontraremos mais barato na internet. Lembre-se disso!

Promova uma experiência exclusiva para seus clientes e aumente o faturamento da sua agência.
O Trackage rastreia e monitora malas em tempo real. 

 

Algumas dicas…

Você é um profissional do Turismo ou deseja empreender na área e quer entregar mais valor aos seus clientes? Veja algumas tendências do mercado para o setor e atualize-se.

 

1- Economia compartilhada

economia-compartilhada

Os seus clientes já fazem uso de plataformas de economia compartilhada, como Uber, Airbnb, Waze, Viator, Couchsurfing, DogHero, entre outros. O profissional de turismo não deve ficar para trás. Além de saber do que se trata, sua obrigação é dominar como funcionam esses aplicativos, indicá-los ao cliente e dar dicas sobre eles. Isso te faz autoridade no assunto e agrega valor à sua consultoria de viagem. Veja também: 6 aplicativos essenciais para você viajar.

 

2- Internet das Coisas

aplicativo-extravio-mala-trackage

A Internet of things, ou IoT, é a conexão de qualquer aparelho à internet e não apenas o computador e Smartphone, mas também relógios, televisão, malas, automóveis, geladeira, catracas, portas, dentre muitos outros. Quer saber o que isso tem a ver com o setor de turismo? Veja aqui: Como a Internet das Coisas (IoT) melhorará a experiência dos viajantes

 

3- Redes Sociais

redes-sociais-turismo

Como profissional de turismo, já passou da hora de você estar presente nas redes sociais. De forma profissional e assertiva, e não amadora, criando engajamento real com público-alvo específico e gerando leads e vendas através da rede. Seu público está conectado durante quase todo o dia, e se você ainda não está gerando vendas pela internet, já está ficando para trás.

 

4- Mobile

agencia-viagem-responsivo

Pesquisar a respeito de viagens pelo smartphone não é mais uma tendência, mas sim uma realidade. Você está presente em redes sociais, tem seu site e blog, mas como é a navegação em dispositivos móveis? É algo para se prestar atenção!

 

5- Turismo de Experiência

turismo-de-experiencia

Já repetimos a palavra Experiência várias vezes nesse texto. É justamente por que as pessoas estão buscando isso. Turistas, principalmente os mais jovens, não se contentam mais com viagens clichês, pontos turísticos comuns e em comer no restaurante do centro.

Eles estão buscando fazer coisas que nunca fizeram, se familiarizar com a rotina dos nativos, viver a cultura local e viver a viagem com toda a intensidade possível. Veja mais: Ciência finalmente confirma: Viajar traz mais felicidade do que bens materiais

 

Esperamos que tenha gostado das dicas.

Se você ou sua agência ainda não estão fazendo nem a metade do que falamos, fique calmo. Basta estar disposto a acompanhar o novo consumidor. A hora é agora! Caso tenha alguma dúvida sobre os assuntos tratados, deixe nos comentários que iremos te orientar com prazer.

Conheça também o Grupo de Afiliados da Trackage, uma oportunidade de oferecer benefícios exclusivos aos seus clientes.

Até a próxima!

Você poderá gostar também:

Pré-venda Trackage
Newsletter

8 comentários em “A Internet irá acabar com a Agência de Turismo?

  1. Gostei muito do site . Essa reportagem das agências de turismo é bastante interessante . Eu sempre questionei o que vai acontecer com elas . Acho , como vocês, que elas precisam inovar , fornecer um serviço com “um algo mais” .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *